A Trilha

São novas técnicas adotadas pelo cinema de agora e aplicadas pelos editores de TV

A trilha sonora continua a ser 40% de tudo em televisão, rádio e cinema, principalmente nas artes cinematográficas. Sua utilização é uma ciência. E, cada vez mais, elas são imprescindíveis, e também estão se modernizando. Usam e abusam da tecnologia do som, do áudio.
 
Reparem nos últimos lançamentos do cinema, principalmente os filmes de ação ou de suspense. Os grandes filmes a utilizam com exagero, quase estrondosamente. É que os diretores passaram a carga emocional para os atores, deixando a trilha realmente como um “background”.
 
E as novelas? Modernizaram-se tanto que em cenas de maior dramaticidade, a trilha deixou de ser dramática para ser intensa, isto é, apenas um som com um tom sem fim. São novas técnicas adotadas pelo cinema de agora e aplicadas pelos editores de TV.
 
Com isso, a interpretação dos atores redobra em desempenho. Não é à toa que a Academia de Ciências Cinematográficas de Hollywood premia com o Oscar a melhor trilha e efeitos de filmes.
 
O rádio perdeu muito com isso. Ao invés de se aprimorar, ele regrediu com as trilhas “bate-estaca” das FM’s, que não dizem nada, não ajudam, só fazem barulho. O rádio AM deixou de usá-las como fazia antes. Foi o precursor de tudo.
 
É assim mesmo, enquanto uns se aprimoram, outros se perdem na ignorância.
 
 
PARABÓLICAS
 
Segundo consta, Cláudia Geigher é considerada uma das melhores repórteres dentro da própria Rede Globo. Mas não é porque nasceu em Cachoeiro.
 
O deputado estadual Torino Marques nem bem assumiu e já começou a fazer homenagens na Assembleia.
 
Parou um pouco de comentar no meio as ações das emissoras da Cúria Diocesana, as rádios América e FM Líder.
 
Nosso preclaro Paulo Gava goza vida entre Brasil e a Flórida, usufruindo dos negócios que fez com a Gazeta. Grande figura humana.
 
 
MENSAGEM FINAL
“Não adianta mudar os acontecimentos, xingar, pois, quando chega o final, temos que aceitar”. Benjamim Button
 
 

Comente Aqui
Confirme seu comentário no e-mail em até 48 horas para manter ativo.
Atenção caros leitores, comentários com link não serão mais aceitos. Evite ser bloqueado.
0 Comentários

Seja o primeiro a comentar.